Cerimônia dos Braceletes

Uma cerimônia, criada no Reino de K@, que acontece todas as vezes que uma escrava, que não pertence ao Reino, visita-nos para fazer uma sessão avulsa.


A Cerimônia também foi dividida em duas partes: a primeira, marca o início do encontro, onde é explicado como a vivência vai funcionar, a segunda parte, marca o fim da sessão, momento de avaliação e agradecimento a escrava por dar-me a honra de conduzi-la.

 

 

 

Início

 

Toca-se o sino para marcar o início da Cerimônia...

 

A escrava convidada, em um outro ambiente, é vendada. A escrava do Reino do Reino de K@, que também participa da vivência, toma a escrava visitante pelas mãos e a conduz até o Mestre.

  

Ele, pede que ela ajoelhe-se e beije os seus pés em sinal de sua submissão.

 

O Reino K@ é cheio de tradições e cerimônias que dão um sabor especial a nossas vivências. Hoje, celebraremos a Cerimônia dos Braceletes um rito para simbolizar o desejo de uma escrava visitante conhecer o nosso mundo e compartilhar de nossas fantasias

 

"Os rituais emocionam, encantam e possibilitam uma melhor e mais profunda imersão em nossas fantasias. Por esta razão eles nos são tão úteis e tornam o BDSM único".

 

Peço assim, que você repita comigo, se for este mesmo o seu desejo. Senhor, é minha vontade entregar-me aos seus desejos nesta sessão.

 

O Dominador... Sinto-me honrado com sua confiança e entrega e prometo guia-la de uma forma segura pelos kaminhos de minha fantasia. Coloco este bracelete, como símbolo da sua nova condição de escrava.

 

Submissa... "Como sinal de minha submissão, eu aceito suas condições e respeito os segredos de seu coração. Vou honrá-lo enquanto o sirvo da melhor maneira que conseguir".

 

O Dominador... "Em você minha escrava Kalía, coloco-lhe o seu bracelete, símbolo da classe a que pertence no Reino, o qual foi conquistado com muita entrega e dedicação.

 

Apesar de estar certo que não será necessário o uso de uma safeword, fica estabelicida a palavra PIEDADE como nosso Código de Segurança.

 

Diante de nós, uma vela branca apagada. Branca, símbolo da mistura de todas as cores do espectro solar. Branca, símbolo da pureza de sentimentos, do desejo de tornar esse momento especial.

 

Ascenda-a para marcar o início desta sessão e que a sua luz nos ilumine durante todo o tempo em que estivermos juntos...

 

Toca-se o sino para marcar o início da sessão...

 

 

Final

 

Ao final da sessão, as escravas deverão estar num outro ambiente.

 

Toca-se o sino para marcar o encerramento da Cerimônia.

 

As escravas dirigem-se ao Mestre.

 

Ele, ordena que ajoelhem-se e beijem os seus pés em sinal de sua submissão.

 

Há poucas horas, celebramos o início desta Cerimônia Bracelete. Agora é chegada a hora de a encerrarmos.

 

O Mestre fala da importância do momento vivido.

 

Peço que saboreiem um pouco desse vinho, como uma forma de reforçar os laços de união que agora estão mais fortes do que nunca.

 

Estendam seus braços, para que lhes retire os braceletes.

 

Kero que, cada uma, guarde seu bracelete como símbolo de sua submissão e das felizes memórias desses momentos que passamos juntos.

 

Algum dia vocês encontrarão seus braceletes e eles lhes serão uma testemunha silenciosa do que este momento significou para cada um de nós.

 

Apaga-se a vela... Toca-se o sino para marcar o fim do encontro...


  • Negrito
  • Itálico
  • Sublinhado
  • Stroke
  • Citação
  • Smileys
  • :confused:
  • :cool:
  • :cry:
  • :laugh:
  • :lol:
  • :normal:
  • :blush:
  • :rolleyes:
  • :sad:
  • :shocked:
  • :sick:
  • :sleeping:
  • :smile:
  • :surprised:
  • :tongue:
  • :unsure:
  • :whistle:
  • :wink:
 
  • 500 Caracteres restantes