Contrato Escravidão

O Contrato abaixo é um modelo que uso como base para celebrar o início das minhas relações. Dependendo de cada escrava faça algumas alterações. Sintam-se a vontade para adapta-lo de forma a atender a sua fantasia.  

 

É de livre e espontânea vontade que MESTRE K@, o PROPRIETÁRIO, e K@rina, a ESCRAVA, têm entre si ajustados a celebração deste Contrato. O mesmo está inserido num contexto de fantasia, e será regido pelas cláusulas e condições abaixo, as quais não possuem efeito legal.

  

1. O ÚNICO E INALIENÁVEL DIREITO DA ESCRAVA É PODER DEIXAR DE SER ESCRAVA QUANDO QUISER, porém, enquanto estiver sob o domínio do PROPRIETÁRIO deverá obedecer a todas as suas ordens e desejos, proporcionando-lhe todo o tipo de distração, prazer e conforto.

 

2. O PROPRIETÁRIO pode dispor da ESCRAVA como melhor lhe aprouver podendo, inclusive, "emprestá-la". Poderá, ainda a qualquer momento, adquirir novas escravas e fazer sessões com mais de uma escrava, conforme seu interesse e necessidade.

 

3. O PROPRIETÁRIO não precisa responder às perguntas da ESCRAVA, evidentemente, quando a mesma obtiver autorização para perguntar. Porém quando interrogada, a ESCRAVA estará sobre juramento e terá que responder detalhadamente e verdadeiramente a tudo que lhe for indagado.

 

4. O PROPRIETÁRIO pode impor castigos, independente da ESCRAVA ter ou não infringido regras, simplesmente para contemplar sua satisfação e divertimento pessoal.

 

5. A ESCRAVA aceita durante a vigência do Contrato não ter outro PROPRIETÁRIO.

 

6. A ESCRAVA aceita em ser punida cada vez que for insolente, desobediente, ou falhar em alguma tarefa, entendendo que a punição será sempre justa e para seu próprio aprimoramento como escrava, sem esquecer-se jamais de agradecer ao PROPRIETÁRIO pela punição aplicada. 

 

7. A ESCRAVA tem que cuidar dos próprios pés, de forma que estejam sempre prontos para realizar todas as fantasias de seu PROPRIETÁRIO.

 

8. A ESCRAVA tem que utilizar sempre que necessário o Código de Segurança - PIEDADE. A não utilização do código eximirá de responsabilidade o PROPRIETÀRIO, por eventuais danos de lesão corporal.

 

9. O PROPRIETÁRIO compromete-se a não prejudicar sua ESCRAVA profissionalmente e cuidar do seu objeto de prazer, atentando para não deixá-la com marcas permanentes ou a fazer uso de qualquer meio que coloque em risco a sua saúde, devendo prover o mínimo de conforto, porém o máximo de segurança.

 

Este contrato pode ser rescindido pelo PROPRIETÁRIO, a qualquer momento, ou por ambos de comum acordo.

 

É de livre e espontânea vontade, que Eu, k@rina, assino o presente Contrato, incondicionalmente, tornando-me ESCRAVA de corpo e alma do PROPRIETÁRIO a partir desta data, até o término do presente Contrato.

 

Sorocaba (SP), 13 de Maio de 2003.

 

_____________                                                _____________

      k@rina                                                           Mestre K@


  • Negrito
  • Itálico
  • Sublinhado
  • Stroke
  • Citação
  • Smileys
  • :confused:
  • :cool:
  • :cry:
  • :laugh:
  • :lol:
  • :normal:
  • :blush:
  • :rolleyes:
  • :sad:
  • :shocked:
  • :sick:
  • :sleeping:
  • :smile:
  • :surprised:
  • :tongue:
  • :unsure:
  • :whistle:
  • :wink:
 
  • 500 Caracteres restantes