Viva o seu papel!

Antes de sair a campo em busca de encontrar um Dominador é importante atentar para o papel escolhido. Da mesma forma que é uma postura elegante, por parte da submissa, tratar o Dominador por Senhor, mesmo na fase de conhecimento, é fundamental que ele a trate de forma respeitosa e não confunda as coisas exigindo obediência. Existe uma diferença grande entre ser submissa e pertencer a alguém, uma submissa deve obediência ao Dominador a quem ela escolheu se entregar.

Os primeiros contatos, para a maioria, acabam acontecendo através das Salas de Chat, Redes Sociais ou Grupos de Discussões. Atualmente, as Salas de Chat têm sido frequentada por grande número de curiosos, o que dificulta

o estabelecimento de contatos mais proveitosos, mas com um pouco de paciência pode se conhecer pessoas sérias e bem intencionadas. As Redes Sociais, por possibilitarem que mais informações sejam adicionadas ao perfil, acabam facilitando o encontro de pessoas.

O início é uma fase de muita ansiedade é por isto requer cautela. Ao conversar com o dominador procure afinidades, não é porque uma pessoa é dominadora e outra submissa, que a relação vai dar certo. Lembre-se, uma das piores experiências é tentar viver algo com quem não compartilha dos seus desejos. Isto acaba levando a relações frustrante e, muitas vezes, dolorosa.

Seja sincera falando do que espera da relação. Para evitar aborrecimentos, não passe o número de telefone e endereço enquanto não se sentir segura. Procure referências da pessoa com que está conversando. Existe sempre aquela tendência íntima de pensar: "Comigo será diferente...".

Comportamentos mais comuns, nos dominadores, que merecem atenção:

• Ter muitos anos de experiência, mas ninguém ouviu falar dele;
• Ser uma figura importante e por isso não diz nada sobre sua vida pessoal, mas exige saber tudo da sua;
• Começar a dar ordens sem diálogo, sem conhecer a submissa, com palavras agressivas e impositivas é sinônimo de insegurança e inexperiência ou até mesmo de má intenção;
• Omitir o estado civil para "conquistar" a submissa com mais facilidade. Nada impede que seja casado e tenha submissas, mas sem mentiras!
• Prometer mundos e fundos, construindo verdadeiros contos de fadas, fazendo uso de um discurso desembaraçado para influenciar, principalmente, as submissas sem experiências ou carentes de atenção e cuidado.


Lady Sexy Gravatar   20.10.2014 12:44
Senhor K@,

Agradeço lhe pela dicas sobre o assunto, era uma duvida que sempre me perseguiu, ficarei mais atenta aos detalhes, pois estive em busca e não obtive sucesso. Muito obrigada.

Atenciosamente
Lady
 
  • Negrito
  • Itálico
  • Sublinhado
  • Stroke
  • Citação
  • Smileys
  • :confused:
  • :cool:
  • :cry:
  • :laugh:
  • :lol:
  • :normal:
  • :blush:
  • :rolleyes:
  • :sad:
  • :shocked:
  • :sick:
  • :sleeping:
  • :smile:
  • :surprised:
  • :tongue:
  • :unsure:
  • :whistle:
  • :wink:
 
  • 500 Caracteres restantes